Recanto de Alberto Valença Lima
A mente que se abre a uma nova idéia, jamais voltará ao seu tamanho original. (Albert Einstein)
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Meu Diário
22/10/2018 10h00
O velho truque (EC)

Estava ela acostumada a enganar o marido com um velho truque usado por tantas. Dizia que ia ao shopping fazer compras mas, lá encontrava-se com o amante que a levava até um motel e lá, passavam horas num idílio amoroso.

Após algumas horas, ele deixava-a no shopping outra vez e ela entrava em uma loja qualquer e comprava algumas roupas no cartão do marido. Depois entrava em outra loja de artigos masculinos e comprava para ele alguma camisa ou calça ou um cinturão ou uma bela gravata.

Chegando em casa, o marido ainda no trabalho. Ela tomava outro banho (pois já tinha tomado um no motel com o amante), colocava uma roupa descontraída e colocava um bom perfume para esperar o marido c-o-r-n-o  que não demorava a chegar.

E o recebia de braços abertos entregando-lhe o presente que comprara, deixando-o assim muito satisfeito com o cuidado que a deddicada esposa lhe tinha.

*****

Este texto faz parte do Exercício Criativo - O Velho Truque
Saiba mais, conheça os outros textos:
http://encantodasletras.50webs.com/ovelhotruque.htm


Publicado por Alberto Valença Lima em 22/10/2018 às 10h00
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Caminhos de mim R$10,00
Caminhos de mim (Poesia) R$38,50
Poesia, Palavra é Arte R$30,00
Musas de um Recanto com Letras, Flores e Poes... R$10,00
UBE - 60 ANOS R$20,00
Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneo... R$35,00
Os mais belos poemas de amor - Edição especia... 40,00
Antologia "Poesias sem fronteiras" (Esgotado) R$20,00