Recanto de Alberto Valença Lima
A mente que se abre a uma nova idéia, jamais voltará ao seu tamanho original. (Albert Einstein)
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Regência verbal do verbo ASSISTIR

Hoje quero fazer um desafio. Quem se habilita a responder às perguntas dos dois quadros acima?
Vou repetir aqui para o caso de alguem não ter condições de visualizar a imagem.


Qual a forma correta?

1.  Fui assistir ao filme ou fui assistir o filme?
2. O filme era bom mas não quis assisti-lo ou O filme era bom mas não quis assistir a ele?

Muito bem. Quem se habilita a responder? Vou dar um prêmio a quem responder corretametne às duas perguntas acima. Escrevam nos c comentários suas respostas.

Sabem qual é o prêmio? Os meus parabens. Vou deixar este desafio aqui por 3 dias. Hoje é segunda dia 21. Na quinta dia 24 darei a resposta. E para quem tiver acertado, será publicado junto com este texto, a resposta e o nome da(s) pessoa(s) que acertou(aram).

 
* * * * * * *
Muito bem, conforme prometera, vamos hoje responder à pergunta e fornecer a forma correta de escrever as frases apresentadas.

Qual a forma correta?

1.  Fui assistir ao filme ou fui assistir o filme?
2. O filme era bom mas não quis assisti-lo ou O filme era bom mas não quis assistir a ele?

Se você respondeu a primeira alternativa nas duas opções, você acertou. O verbo ASSISTIR significando ver, ouvir ou estar presente num espetáculo, filme, programa de TV, rádio, cinema, etc, é um verbo transitivo INDIRETO, ou seja, exige uma preposição entre ele e o objeto.

Assim, o correto é Fui assistir ao filme.

Pela mesma razão, na segunda frase, o correto é O filme era bom mas não quis assistir a ele pois, os complementos nominais átonos LO, LOS, LA, LAS, LHE, LHES, só podem ser empregados como objetos diretos. Como o verbo assistir neste caso exige um objeto indireto, só pode ser empregado um complemento nominal tônico, isto é, a ele ou a ela.

Então, meu caro Stelo Queiroga, parabens pela construção que, embora não tenha respondido diretamente ao questionamento, é induvidosa a sua resposta correta. Transcrevo abaixo a sua interação para fazer parte desta postagem.

"Eu fui assistir ao filme ...
Assisti-lo posso não ...
Pois só quem pode assisti-lo ...
É o assistente de produção ..." 
(Stelo Queiroga  id=150744)
Parabens!


Complementando a instrução:


O verbo assistir é muito especial pois ele suporta as três regências verbais possíveis, isto é, ele pode ser transitivo direto (que não exige preposição), transitivo indireto (quando exige preposição) e intransitivo, que não exige complemento algum.

Quando ele é empregado como transitivo direto ele significa dar assistência. Por exemplo: A enfermeira assistiu os doentes.

Quando ele é empregado sem complemento, isto é, como verbo intransitivo, ele significa residir, morar. Por exemplo: Maria assiste em Recife.
Alberto Valença Lima
Enviado por Alberto Valença Lima em 21/03/2016
Alterado em 24/03/2016
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Caminhos de mim R$10,00
Caminhos de mim (Poesia) R$38,50
Poetrix - Antologia 6 - 20 anos R$29,50
Germinando palavras colhendo poesias - Ser po... R$23,50
Poesia, Palavra é Arte R$30,00
Musas de um Recanto com Letras, Flores e Poes... R$10,00
Germinando palavras colhendo poesias - Ser po... R$28,50
UBE - 60 ANOS R$20,00
Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneo... R$35,00
Os mais belos poemas de amor - Edição especia... 40,00
Antologia "Poesias sem fronteiras" (Esgotado) R$20,00